Homem sai para caçar e morre ao levar tiro acidental no rosto

Homem sai para caçar e morre ao levar tiro acidental no rosto, na zona rural de Mojuí

Acidente aconteceu na comunidade Igarapé do Piranha, a 70 km da cidade. Segundo a polícia, durante a caçada, ele acabou tropeçando e caindo, sendo atingido pela arma.

Um homem de 36 anos morreu ao ser atingido acidentalmente no rosto por um disparo de arma de fogo durante uma caçada, segundo a Polícia Civil. O acidente aconteceu no sábado (16), em uma área de mata da comunidade Igarapé do Piranha, que fica distante cerca de 70 km do município de Mojuí dos Campos, no oeste do Pará.

Ainda de acordo com a polícia, Elionildo Barbosa de Almeida, conhecido como Nildo, havia saído de casa com o primo. Durante a caçada, ele acabou tropeçando e caindo, sendo atingido pela arma caseira que estava engatilhada. Ele morreu ainda no local.

O corpo foi removido e encaminhado para o Centro de Perícias Científicas Renato Chaves (CPC), órgão do Instituto Médico Legal (IML) em Santarém, onde passou por exame de necropsia, retirada do componentes balísticos e depois liberado para o enterro.

O velório ocorre na comunidade Jacamim, a 20 km de Santarém, onde a vítima morava. Elionildo deixa a esposa e uma filha que seis anos.

Fonte G1 Santarém

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *