PM suspeito de fazer disparos e quebrar carro de ex é afastado das funções operacionais

A Polícia Militar informou que instaurou procedimento administrativo para apurar envolvimento do policial e que a arma dele foi recolhida. Caso aconteceu nesta quinta-feira (28) no bairro Santa Clara.

O cabo da Polícia Militar (PM), suspeito de fazer disparos com arma de fogo e quebrar o carro da ex-companheira em Santarém, no oeste do Pará, foi afastado das funções operacionais, segundo informou o Comando de Policiamento Regional 1 (CPR-1).

Conforme a PM, após denúncia da vítima, a Corregedoria de PM instaurou um procedimento administrativo para apurar envolvimento do policial no caso. A arma dele também foi recolhida.

O cabo é lotado no 3º Batalhão de Polícia Militar (3º-BPM). Ele deve ficar afastado das atividades nas ruas enquanto transcorre a investigação, o que pode resultar até na demissão do militar, segundo a PM.

Carro da vítima com marcas de tiros (Foto: Arquivo pessoal)

Carro da vítima com marcas de tiros (Foto: Arquivo pessoal)

Entenda

O PM fez disparos de arma de fogo e quebrou o carro da ex-companheira na madrugada desta quinta-feira (28) no bairro Santa Clara. A vítima informou para a polícia que o ex estava enciumado e tentava reatar o relacionamento.

A vítima, que pediu para não ser identificada, disse que se separou do PM há 1 ano. Ela foi procurada por ele após ter publicado uma foto com o atual namorado em uma rede social. Foi aí que o PM foi até a casa dela para tirar satisfações e pedir para reatar o relacionamento.

A vítima disse ainda que foi ameaçada de morte e que o ex-namorado falou que cometeria suicídio, caso ela não fosse falar com ele na frente da casa. Em seguida, ele passou então a fazer disparos com arma de fogo e quebrar o carro da ex.

G1 Santarém

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *