Grupamento Fluvial conclui inquérito sobre causas do naufrágio do empurrador TBL CXX

A apresentação da conclusão do inquérito será feita em Santarém na segunda-feira (8). No naufrágio, nove pessoas morreram.

Inquérito vai apontar causas do naufrágio do empurrador TBL CXX (Foto: Débora Rodrigues/TV Tapajós/Arquivo)

Inquérito vai apontar causas do naufrágio do empurrador TBL CXX (Foto: Débora Rodrigues/TV Tapajós/Arquivo)

A direção do Grupamento Fluvial de Segurança Pública do Pará estará em Santarém, oeste do Pará, na segunda-feira (8), para apresentação por meio digital, às 10h, na Estação Cidadania, da conclusão do inquérito que apurou as causas do naufrágio do empurrador TBL CXX, ocorrido no dia 2 de agosto de 2017, próximo ao município de Óbidos.

Para a apresentação estará em Santarém o delegado de Polícia Civil e diretor do Grupamento Fluvial, Dilermando Dantas Júnior, e o secretário adjunto de Gestão Operacional, coronel PM André Luiz de Almeida e Cunha.

Leia mais: Rebocador de balsa afunda após bater com navio no rio Amazonas; 9 estão desaparecidos

O inquérito foi instaurado pelo Grupamento Fluvial na semana em que ocorreu o naufrágio que resultou na morte de nove pessoas, sendo sete tripulantes e dois passageiros. A embarcação viajava com 11 pessoas, mas duas conseguiram sobreviver após terem pulado nas águas do Rio Amazonas e terem sido socorridas por uma pequena embarcação que passava na área onde aconteceu a batida entre o empurrador que vinha para Santarém e o navio mercante Mercosul Santos que seguia com destino ao porto de Manaus.

Ao inquérito foram anexados os laudos da perícia realizada pelo Centro de Perícias Renato Chaves após o içamento da embarcação ocorrido no dia 6 de dezembro de 2017. Os corpos das nove vítimas foram retirados do empurrador e levados para o IML de Santarém, onde ocorreu a coleta de material biológico para exame de DNA para identificação de cada um.

A identificação dos corpos foi concluída na última semana de dezembro e o sepultamento ocorreu após velório coletivo realizado em Santarém no dia 2 de janeiro deste ano.

Fonte : G1 Santarém

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *